Um Ano de Covid-19 – Os Receios. As Dificuldades. A Vida a Continuar.

Hoje contamos um ano desde que tomámos conhecimento do primeiro caso de COVID-19 em Portugal. Um ano. 

Foi um ano de muitas inseguranças e receios. De muitas dificuldades e preocupações, quer de saúde, como na gestão da vida diária e na tentativa de nos protegermos de um perigo invisível, que nos fez contrariar diariamente o nosso impulso mais básico: o da interacção social.

Precisamos do outro para sobreviver enquanto sociedade, precisamos do outro para nos sentirmos em segurança.

Quando nos dizem que temos que nos manter afastados do outro porque isso nos coloca em perigo, vivemos um conflito e confusão interna, entre a necessidade de estar com o outro e o senti-lo como algo perigoso. 

As consequências disto são inúmeras e temos visto começarem a aparecer um pouco de várias formas. 

Mas vamos gerindo, dia a dia, tentando encontrar o melhor caminho para cada um, para as nossas famílias, para que o final de tudo isto chegue e consigamos começar a juntar os pedaços do que se foi quebrando durante este tempo. 

Sim, virá o tempo de começar a reconstruir. Reconstruir a vida, a partir do lugar em que esta situação deixou cada um. Reconstruir-nos internamente, a partir da experiência de sermos relembrados da nossa finitude e da importância da vida. Reconstruir-nos enquanto sociedade, tentando incorporar informação valiosa que fomos aprendendo até agora. E, principalmente, reconstruir um lugar de segurança interna ao qual todos possamos voltar, para conseguir a estrutura suficiente para reconstruir tudo o resto. 

Mas sei que somos capazes. Sei que somos resilientes. Sei que encontraremos uma forma de recomeçar. Sei que a vida continuará.

0 Comments

Enviar um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Outros Artigos

Psicanálise e Psicoterapia Psicanalítica Relacional  – Uma Visão Actual

Psicanálise e Psicoterapia Psicanalítica Relacional – Uma Visão Actual

A obra de Jay Greenberg e Stephen Mitchell “Relações de Objecto na Teoria Psicanalítica”, 1987, é a primeira referência da chamada  “viragem relacional” em Psicanálise. Emergiu, desde então e em torno do trabalho fundamental de Stephen Mitchell (1946-2000) e de toda...

Teoria Polivagal – A Ciência da Conexão e da Segurança

Teoria Polivagal – A Ciência da Conexão e da Segurança

A Teoria Polivagal foi desenvolvida nos anos noventa por Stephen Porges, que estabeleceu uma ligação entre a evolução do Sistema Nervoso Autónomo dos mamíferos e o comportamento social, realçando a importância das activações fisiológicas do organismo, na expressão de...

Palavras que Curam – O que Dizer e Não Dizer em Momentos Difíceis

Palavras que Curam – O que Dizer e Não Dizer em Momentos Difíceis

Há algum tempo, tomava café com uma amiga que me falava da situação difícil que uma outra amiga enfrentava e de como tinha sido difícil gerir o momento, por não encontrar as palavras certas para lhe dizer. Falou-me da dificuldade, do desconforto, de como sentia medo...